O que é certo, o que é indesmentível, é que és um contista e os melhores contos do livro, que são muitos (até demais para uma estréia), revelam uma personalidade literária cheia de qualidades. Um dos aspectos mais notáveis desse "modus faccioli" é a capacidade de estruturar a frase de um modo tão preciso (sem perder elasticidade, jogo de cintura) que é como se o leitor estivesse lendo o pensamento do autor. Na verdade a literatura é mais ou menos isso, o autor tem de "traduzir" o que pensou, de modo que o leitor sinta tão exatamente quanto possível aquilo que ele próprio sentiu.

Sergio Faraco
trecho de mensagem eletrônica de 30/10/2000

Voltar